As nossas parcerias com investigadores, médicos e grupos de doentes oferecem uma oportunidade única para desenvolver ainda mais a investigação para descobrir e fornecer novas terapias que realmente fazem a diferença para doenças da retina que ameaçam a visão.

A Roche juntou-se aos principais centros médicos da Europa para formar um consórcio para estudar melhor a degenerescência macular da idade (DMI), a principal causa de perda de visão em pessoas com mais de 60 anos. A DMI é causada por danos à mácula, a parte do olho responsável pela visão central e por conseguirmos ver os detalhes finos com clareza. 2

Denominado EYE-RISK, este consórcio explorará o papel combinado de fatores genéticos e não-genéticos no desenvolvimento da DMI. O consórcio EYE-RISK é dirigido pelo Prof. Marius Ueffing do Instituto de Pesquisa Oftalmológica da Universidade de Tübingen, Alemanha e é financiado peloo maior programa de investigação e inovação do género, com quase 80 bilhões de euros de financiamento disponível.1

O consórcio utilizará dados epidemiológicos abrangentes e bioamostras de grandes coortes epidemiológicos de olhos europeus e biobancos para desenvolver ferramentas que ajudem na previsão clínica da DMI. O consórcio EYE-RISK também visa caracterizar os fatores de risco para DMI e identificar os mecanismos da doença a nível molecular. Os principais objetivos do consórcio serão determinar a frequência de DMI na Europa e avaliar o risco de DMI com base em fatores de risco fenotípicos, genéticos, ambientais e bioquímicos e as suas interações.1

“Esta investigação irá permitir aumentar a nossa compreensão de quem está em risco de desenvolver DMI, quem está em risco de progressão, por que e como os riscos se combinam para a progressão em certos doentes e o que podemos fazer para reduzir o risco. O nosso papel nesta iniciativa será trabalhar em estreita colaboração com os membros do consórcio para trocar dados e informações e realizar investigação interna e análises de dados que conduzam a resultados importantes, como a identificação de genes promissores e prioritização de oportunidades para o desenvolvimento de tratamentos no futuro ”, explica Everson Nogoceke, Líder em Medicina Experimental de Biomarcadores, Roche Pharma Research & Early Development, e facilitador da iniciativa EYE-RISK.

O EYE-RISK está dividido em oito programas que estão ligados ao apoio e cumprimento de objetivos específicos. Os membros do consórcio serão designados para apoiar os programas específicos de acordo com sua experiência e habilidade. A Roche não irá receber nenhum financiamento público pela sua participação no consórcio EYE-RISK e apoiará a iniciativa por meio de donativos “em espécie” de contribuições financeiras adicionais. 1

Referências

  1. Colijn JM, Meester-Smoor M, Verzijden T, et al. Genetic Risk, Lifestyle, and Age-Related Macular Degeneration in Europe: The EYE-RISK Consortium. Ophthalmology. 2021 Jul;128(7):1039-1049.

  2. Bright Focus Foundation. Age-Related Macular Degeneration: Facts & Figures. [Internet; cited November 2018]. Available from: