Ensaios clínicos são essenciais para mais e melhor saúde

A pandemia que todos vivemos veio colocar na ordem do dia a segurança e a eficácia de medicamentos e vacinas.

Os ensaios clínicos são precisamente a ferramenta essencial para confirmar a eficácia de novos medicamentos, bem como para testar novas utilizações de fármacos já comercializados.

Relevantes para o desenvolvimento de tratamentos inovadores, os ensaios clínicos têm permitido o surgimento de terapêuticas que mudam a vida das pessoas. E, com isso, ajudam a mudar o Mundo.

No âmbito do Dia Internacional dos Ensaios Clínicos, a 20 de maio, destacamos a importância destes estudos. A começar pela primordial: potenciar o aumento da qualidade e do tempo de vida dos doentes.

Quem pode participar num ensaio clínico?

Poderá participar qualquer pessoa a quem tenha sido diagnosticada a doença para a qual um medicamento está a ser estudado, desde que cumpra um conjunto de requisitos, como idade, grau de atividade da doença, tratamentos em curso e doenças anteriores.

Pontualmente, em alguns estudos, poderão participar pessoas saudáveis (de modo voluntário) a quem não tenha sido diagnosticada qualquer doença.

Porquê participar?

Os participantes de um ensaio clínico poderão ter a possibilidade de aceder a medicamentos inovadores, em fase de investigação, antes de estarem disponíveis para o público em geral, tendo assim um papel mais ativo nos seus cuidados de saúde.

Sublinhamos que a participação num ensaio clínico não garante um benefício ou melhoria do estado de saúde. O medicamento em investigação pode ou não funcionar com cada doente.

Mas a participação no ensaio clínico pode ajudar a informar médicos e outros doentes sobre a doença e o seu tratamento. Outro benefício de participar num ensaio clínico passa por contar com apoio e conforto que resulta de um acompanhamento atento por parte de uma equipa de investigação experiente e altamente qualificada.

Caso pretenda participar num ensaio clínico é indispensável compreender o que vai ser estudado e dar o seu consentimento. É também essencial falar com o seu médico e discutir os possíveis benefícios e riscos.

Existem riscos e incómodos associados a qualquer estudo de investigação que devem ser cuidadosamente ponderados antes de se aceitar participar no ensaio clínico.

Saiba mais sobre a participação em Ensaios Clínicos AQUI